Com vazamentos de dados cada vez mais recorrentes, é fundamental para empresas com operação digital ter o entendimento de como se prevenir e evitar golpes cibernéticos contra instituições e clientes. Nesse contexto, a análise de dispositivos móveis – como os smartphones – tem se tornado fundamental para empresas que querem evitar prejuízos, sejam financeiras ou à imagem da marca.

Um ponto importante a se observar é o tempo de vida do aparelho. Segundo levantamento realizado pelo AllowMe, entre os 60 milhões de dispositivos móveis cadastrados em sua base, os smartphones utilizados pelos fraudadores possuem uma vida útil 39% menor, reforçando a tese que muitos dos dispositivos podem ser ‘descartáveis’.

Além disso, a verificação tem como base informações obtidas por meio daquele dispositivo, e não dados cadastrais que podem facilmente serem vazados, como CPF, número de cartão de crédito e e-mail. É também possível analisar o comportamento do usuário durante as transações. Identificar o dispositivo é essencial para que os clientes se mantenham seguros e seu negócio não tenha uma má reputação.

“Os fraudadores vêm tornando-se cada vez mais criativos na hora de aplicar um golpe. É muito importante que os empreendedores invistam em camadas de proteção que os ajudem a evitar que fraudes aconteçam”, diz Gustavo Monteiro, Managing Director do AllowMe.

Veja abaixo algumas curiosidades sobre análise de dados:

  • As informações coletadas nos dispositivos possuem inúmeras variáveis como geolocalização, modelo do aparelho, fabricante, operadora e comportamento do usuário;
  • A análise de dados é realizada quando o usuário final autoriza. Ações como o login, por exemplo, são momentos de transação que podem ser escolhidas pelo lojista como início da análise de dados do dispositivo;
  • Caso o usuário troque de aparelho é fácil de reconhecê-lo, pessoas têm o hábito de acessar os mesmos serviços por diferentes aparelhos.

Para saber mais sobre essas e outras curiosidades, clique aqui e acesse o e-book criado pelo AllowMe.

Informações para a imprensa:

Carolina Santos – [email protected] | 11 95441-8061
Laura Chiavenato – [email protected] | 11 97664-0089