O hábito de realizar compras pela Internet aumentou nos últimos meses e por isso é preciso dobrar a segurança dos negócios online para evitar a ação de fraudadores

Uma das datas mais concorridas do varejo no mês de agosto é o Dia dos Pais. A ocasião, neste ano, será comemorada no próximo dia 09 e marcada por compras feitas pela internet. Tudo isto mostra um reflexo do novo comportamento do consumidor, que devido ao fechamento do comércio em geral, passou a fazer mais compras online. Muitos destes consumidores, inclusive, realizaram sua primeira compra em sites ou aplicativos durante a quarentena. 

Segundo uma pesquisa realizada Associação Brasileira de Lojistas – Alshop, que ouviu 5,2 mil consumidores, mesmo com parte do comércio já aberto em diversos lugares, 46% das pessoas ainda preferem comprar seus presentes online.

Esta mudança de comportamento neste momento de pandemia também despertou a atenção de fraudadores, que se aproveitam desta fase de compras na internet para causar prejuízos tanto aos consumidores quanto aos negócios. Por isso,  a prevenção à fraudes e proteção de dados se tornaram algo estratégico para o varejo e e-commerce, principalmente em datas como estas, como relatamos em uma de nossas publicações anteriormente. 

Número de sites e lojas falsas aumenta na internet trazendo prejuízo aos negócios online

Desde o início da pandemia do coronavírus e com o estabelecimento da quarentena, a internet virou um solo ainda mais fértil para novos negócios, mas também para a atividade dos cibercriminosos. Com isso, um dos crimes que mais cresceu no período foi a criação de falsos websites que tem como intenção capturar dados pessoais, o que é uma grande ameaça para os negócios online, especialmente para o varejo.

Criminosos simulam lojas e sites falsos extremamente parecidos com os originais, se aproveitando da falta de atenção dos usuários finais que acabam clicando nos links oferecidos, possibilitando o roubo de dados, invasão de computadores para ataques posteriores, envio de malwares, entre outras atividades maliciosas.

Fraudadores também utilizam o nome de empresas já consolidadas para se endereçar aos usuários através de golpe de phishing, enviando ofertas tentadoras através de SMS ou e-mail. Vale lembrar também que os criminosos também estão sempre procurando brechas de segurança e vulnerabilidades em sites para que desta forma, consigam fazer a invasão do domínio daquele negócio e capturar dados. 

Entenda como o AllowMe pode proteger seu negócio em datas comemorativas e durante todo o ano 

Datas comemorativas são oportunidades para se presentear e está cada dia mais evidente, devido ao atual cenário, em que as pessoas estão dando prioridade às compras online.

Por isso, AllowMe foi criado para proteger as relações digitais entre as empresas e seus clientes através da avançada tecnologia que atua na validação, identificação e autenticação de usuários no ambiente online, reduzindo o índice de fraudes e melhorando a experiência dos usuários, pois diminui a fricção no processo de onboarding.

A expertise no mercado financeiro faz com que a ferramenta consiga atender às altas demandas de vários setores, principalmente o varejo e e-commerce, que entram em potencial crescimento próximo às ocasiões especiais e acabam se tornando  alvos de cibercriminosos. 

Leia também: crescimento do AllowMe no primeiro semestre de 2020

Para entender como o AllowMe pode ajudar o seu negócio e a importância de se investir em ferramentas de proteção de identidade, listamos cinco motivos que podem ser conferidos clicando aqui. E para saber mais sobre a solução, entre em contato com o nosso time.